ENTREVISTA – YU-GI-OH!: DUELOS EM 3D ESTÃO SE TORNANDO REALIDADE

O anime Yu-Gi-Oh! mostra duelos com hologramas das cartas colocadas em jogo. O engenheiro de software General Heed, também conhecido como Generalkidd, está desenvolvendo “Yugioh For HoloLens”, um projeto para que duelos assim sejam possíveis na vida real.

Em entrevista, General Heed (ele se apresentou assim porque quer continuar anônimo) dá detalhes sobre o projeto, que está sendo desenvolvido na Filadélfia, cidade localizada nos EUA:

Fantasia em Jogo – O que é o Yugioh For HoloLens? Como funciona?
General Heed – Basicamente, ele é uma adaptação holográfica para o mundo real do Yu-Gi-Oh! Trading Card Game. Ele é baseado nos hologramas que vimos no anime, particularmente nos protótipos de discos de duelo do Kaiba. “Yugioh For HoloLens” funciona utilizando o Microsoft HoloLens para projetar os hologramas no campo de visão do usuário.

FJ – Por que você criou o projeto? Quando começou?
GH – Porque eu sou um grande fã do anime Yu-Gi-Oh! e sou realmente fascinado pelos duelos holográficos. Sempre foi meu sonho experimentar esses duelos e, graças ao Microsoft HoloLens, isso agora é possível. Assim que o kit de desenvolvedor foi disponibilizado (isso aconteceu há alguns meses), comecei imediatamente a trabalhar no protótipo do programa.

FJ – Que dificuldades você está tendo?
GH – Atualmente, os desafios são fazer funcionar as mecânicas do jogo e, eventualmente, criar os modelos 3D e as animações.

FJ – Como o projeto está sendo desenvolvido? Você está trabalhando sozinho ou tem alguma equipe?
GH – Eu atualmente estou trabalhando sozinho, mas planejo abrir o código do programa para qualquer um que queira contribuir.

Código aberto é um modelo de desenvolvimento que promove um licenciamento livre para o design ou esquematização de um produto e a redistribuição universal desse design ou esquema, dando a possibilidade para que qualquer um consulte, examine ou modifique o produto.

FJ – Há alguma previsão para a conclusão do projeto?
GH – O desenvolvimento está bem no começo. Portanto, não posso dar estimativas sobre quando será completado. Porém, espero que, uma vez que o código do programa esteja aberto, ter bastante gente que queira contribuir e o projeto será terminado muito mais rápido.

FJ – Por favor, fale sobre o vídeo que você publicou no dia 6 de Junho.
GH – O vídeo é o primeiro teste no mundo real. Antes disso, eu apenas pude testar no simulador do HoloLens. O jogo requer uma área aberta e estava chovendo bastante na região onde moro. Por isso, não tinha tido muitas chances de testar em áreas abertas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *